Faça você mesmo: Controle sua casa pela internet, com software opensource!

Essa é a primeira iniciativa de postar os detalhes do nosso brilhante projeto de conclusão do curso de Ciência da Computação! :D

Quando disse nosso, foi para dar os créditos também ao meu amigo de faculdade, Leonardo Fraietta, que dividiu comigo os momentos de trabalho árduo e de glória, que fizeram com que todo o esforço gerasse uma nota dez com menção. Esse dez não seria tão importante se a nossa banca não tivesse dois doutores e uma mestra. Entre os doutores estava o Prof. Ítalo Santiago Vega, o qual admiro muito.

[Post n.1 - Início do Projeto]

Nome

  • WUW – Watch using Web – além de ser uma sigla que montamos em inglês, lembra o latido de um cachorro; daí surgiu a idéia do logotipo - um cachorro segurando um cadeado com a boca.

Objetivos

  • Aprofundar o conhecimento em eletrônica e no controle de componentes através do computador ( PC );
  • Controlar um ambiente via internet, desenvolvendo e utilizando software opensource;
  • Provar que é possível desenvolver uma solução de baixo custo com qualidade e eficiência. Para determinar o “baixo custo”, levamos em consideração as soluções de mercado que custavam na casa dos R$ 7.000,00;

Premissas

  • Utilizar todos os conceitos de engenharia de software na elaboração dos requisitos do projeto;
  • Desenvolver todo o sistema utilizando linguagem C++ (sim, é possível escrever aplicações WEB em C++) ;

 

[O Desafio]

Com esse breve descritivo em mãos, iniciamos o nosso trabalho em meados do ano de 2006. Tínhamos em mente o tamanho do trabalho que teríamos pela frente e o desafio foi o principal motivador da empreitada.

Começamos detalhando todos os requisitos funcionais e não funcionais e o resultado foi um belo documento de casos de uso. Esse documento delineou todo o escopo do nosso projeto e serviu como base para deixar claro aos professores que estavam acompanhando, onde queríamos chegar.

Após os casos de uso, elaboramos o story board, que é basicamente um protótipo funcional do projeto. Escrevemos os html´s, fizemos a simulação da navegação e lá estava a “casca” totalmente pronta. Estávamos ansiosos para codificar a aplicação, mas a síndrome de fazer o projeto bem feito conteve nossos ânimos.

Muita gente ignora os passos de detalhar o projeto. Afirmo com certeza que salvamos um precioso tempo. Não refizemos uma tela sequer e o nosso plano de testes, extraído dos casos de uso, validou todas as funcionalidades.

[Dia-Dia]

Logo após todos os passos descritos no item acima, concentramos os esforços para desenvolver um cronograma que pudesse detalhar o que cada um deveria fazer e quando deveria fazer. Todos os projetos devem ter metas e objetivos: tínhamos prazos curtos e encaramos todas as etapas como se estivéssemos fazendo um produto para entregar para um cliente. Com metas e objetivos, chegamos em um plano estratégico que fez com que as atividades do projeto ficassem claras:

  • Escrever a monografia;
  • Codificar API´s em C++;
  • Desenvolver hardware e controle através da porta paralela;
  • Testar… testar…;
  • Escrever a apresentação e preparar para apresentar (nos preparamos, ensaiamos as falas, ordem dos slides, etc);

Enfim, acho que deu para ter uma idéia macro do que fizemos …

Acho que cobri os pontos principais e encerro assim a primeira parte deste post. Nos próximos, vou dar detalhes da implementação das API´s em C++ para desenvolver páginas web, todo controle do banco de dados, desenvolvimento e controle do hardware através da porta paralela.

Enquanto isso, vou deixar você na expectativa do que vem pela frente. Veja o vídeo do primeiro teste controlando o motor de passo pela aplicação !

Não deixe de comentar !

Bookmarksbookmark bookmark bookmark bookmark bookmark bookmark

Popularity: 3%

3 Comments so far

  1. Leonardo Fraietta on June 24th, 2008

    Heita saudade!

    Realmente esse projeto vai me causar uma futura calvisse precoce, mas agora que li o post do meu amigo Robson, bateu uma saudade!

    É com esse tipo de resultado satisfatório é que devemos nos motivar e encarar as futuras dificuldades. Confesso no princípio do projeto eu duvidei que terminaríamos, mas não me deixei levar por esse pensamento, e logo o substitui pelo seguinte: “TEMOS QUE TERMINAR ISSO” e não há outra saída. Meu amigo Professor Pardal vulgo Robson foi quem cuidou da maior parte técnica do projeto, ele trabalhou muito mesmo, mas eu via os olhos dele brilharem de satisfação quando conseguia terminar uma etapa.

    O que mais me deixou admirado, orgulhoso e empolgado foi a grandiosidade funcional do projeto relacionada com o baixíssimo custo que tivemos para desenvolve-lo. É claro que se desejarmos produzí-lo em larga escala, temos que melhorar o visual e etc. Isso acarreta em mais custos mas, mesmo assim, como gastamos muito pouco com o protótipo funcional, jugo que o custo não se elevaria tanto. Utilizamos muito, e de forma bem sucedida, as ferramentas opensource.

    Esse projeto também me ensinou que não é um bicho de sete cabeças utilizar-se das práticas de engenharia de software para desenvolvimento de sistemas. Se duas pessoas conseguiram, porque existem empresas inteiras que ainda não trabalham assim? É triste!

    Enfim, eu falo pouco, mas quando começo a escrever não consigo ser sucinto, vai ver que por isso fiquei com a monografia (rs). Porém terminei meu comentário! E foi muito bom relembrar nosso trabalho, parabenizo sempre o Prfº Pardal pois ele que imaginou, desenhou e construiu o projeto, eu só fui apalpando para não desequilibrar. Mas é sempre muito bom e satisfatório trabalhar com pessoas assim. E aguardo a próxima maluquise …

    Abraços amigo!
    Parabéns, também, pelo Blog!

    []‘s
    Leo

  2. Ítalo on October 19th, 2008

    Oi Robson. Obrigado pela lembrança! Registro, mais uma vez, o excelente trabalho realizado por vocês.

    []s
    Ítalo

  3. Marcos on July 19th, 2009

    Boa noite Robson,

    Tenho muito interesse em conhecer o seu projeto, Sou formado em eletrônica e, tbém como tecnologo em automação industrial.
    Sempre tive vontade de construir um projeto nos mesmos moldes, porém nunca tive tempo para pesquisar.
    Atualmente eu tenho tempo, espero que possamos conversar bastante sobre este assunto.

    Um abraço!

    Marcos.

Vale Presente